Pôr do Sol Recife Pernambuco - Brasil agosto de 2017 Foto GB/Arquivo Blog 14F

terça-feira, 14 de maio de 2013

Confederação Mundial de Fisioterapia - WCPT presta homenagem póstuma a Robin McKenzie


Robin Anthony McKenzie, uma das figuras mais importantes no desenvolvimento da fisioterapia músculo-esquelética, morreu na segunda-feira 13 de maio, conforme anunciou o Instituto Internacional McKenzie. Ele morreu em sua casa, na Nova Zelândia, com a idade de 82 anos, em decorrência de um  câncer.
A Presidente da WCPT, Marilyn Moffat, prestou homenagem ao fundador e presidente do The McKenzie Institute International, que realiza pesquisas e oferece educação continuada relativa ao Método McKenzie de Diagnóstico e Terapia Mecânica (MDT).
"A profissão perdeu um de seus verdadeiros inovadores", disse ela. "Robin deu uma contribuição significativa para a compreensão e tratamento de lesões na coluna vertebral e doenças corelatas, e sua pesquisa e ensino inspiraram e influenciaram dezenas de milhares de Fisioterapeutas em todo o mundo."
"O impacto de seu trabalho vai continuar e continuar", disse ela.
Robin McKenzie desenvolveu o Método MDT após ter observado  um evento com um paciente que  estava tratando em 1956. O método é utilizado para tratar a dor nas costas em muitos países, e o Programa de Educação McKenzie é difundido em todo o mundo. Em 2007, foi agraciado pela WCPT com o prêmio International Service por sua significativa contribuição  para o entendimento dos problemas da coluna vertebral.
Em um comunicado, o  McKenzie Institute International  anunciou a morte de Robin McKenzie,  citando suas próprias palavras: "Enquanto a anatomia humana não muda, o MDT e o Instituto vão continuar pelos próximos 1.000 anos."
A página de tributo a Robin McKenzie está sendo estabelecida em www.mckenziemdt.org. Fisioterapeutas são convidados a respeitar a privacidade da família neste momento, mas as mensagens podem ser enviadas via mckinst@xtra.co.nz

Nenhum comentário:

Postar um comentário