Setúbal - Recife Pernambuco - Brasil maio de 2017 Foto
Alexandre Costa

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Programa de imunizações completa 40 anos


Brasília – Agência Brasil - O Ministério da Saúde comemorou hoje (18) os 40 anos de criação do Programa Nacional de Imunizações (PNI), que engloba o conjunto de 13 vacinas de interesse prioritário para a saúde pública. De acordo com o Ministério da Saúde, o programa objetiva fornecer vacinas à população, desde o nascimento até a terceira idade, aplicadas de graça nos postos de vacinação da rede pública.

A coordenadora Carla Magda destaca que o programa cumpre seus objetivos em 34 mil salas de vacinação, e "mostra, em seu aniversário de 40 anos, relevantes resultados em matéria de saúde pública, como a erradicação da poliomielite, a eliminação da circulação do vírus do sarampo e da rubéola, além da redução de casos de mortes em consequência de doenças imunopreveníveis".

O PNI é simbolizado por um boneco, o Zé Gotinha, criado em 1986 pelo artista plástico e escultor brasiliense Darlan Rosa. A figura lembra uma gota caindo e, de acordo com Darlan Rosa, foi concebida para facilitar a interação das crianças e dos jovens estudantes com a necessidade de vacinação. "As crianças são capazes de memorizar melhor as datas de vacinação, e o boneco é um atrativo que pode ser desenhado por elas, pois é muito simples. Desta forma, a criança é atraída para o espírito do programa de vacinação, importante para que a população tenha menos problemas de saúde da infância à terceira idade", destaca Darlan Rosa.

De acordo com o secretário de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde, Jarbas Barbosa, o Brasil produz 96% das vacinas utilizadas no país. Em cinco anos, a vacina contra HPV será fabricada no Brasil pelo Instituto Butantã, que firmou parceria com dois laboratórios estrangeiros para transferência de tecnologia.

Fonte: Agência Brasil
Ilustração: Ministério da Saúde Brasil

BLOG 14-F FISIOTERAPIA. UM BLOG AMIGO DA SAÚDE

Nenhum comentário:

Postar um comentário