Pôr do Sol Recife Pernambuco - Brasil agosto de 2017 Foto GB/Arquivo Blog 14F

domingo, 9 de dezembro de 2012

Utilização da Parafina como recurso terapêutico

Postagem divulgada no final do mês passado - novembro de 2012 - no Blog Fisioterapia em Evidência editado pelo Fisioterapeuta Lázaro Juliano Teixeira, abordando o uso da Parafina;   levou-me ao passado, começo dos anos 1960, quando iniciei a carreira e tal recurso terapêutico era amplamente utilizado, na recuperação funcional de afecções  dos membros superiores e inferiores, principalmente pés e mãos. A Parafina, um derivado do Petróleo com aparência de cera, de cor branca, tem seu ponto de fusão de 50-57 °C, estando incluída no rol dos procedimentos da Termoterapia por meio de banhos de imersão. Veja matéria no Link:
 http://www.fisioterapiaemevidencia.com/2012/11/parafina-para-osteoatrose.html  

Costumeiramente, somente abordamos nesse Blog temas ligados à História da Fisioterapia, bem como aos aspectos éticos, políticos e filosóficos da profissão, pelo simples fato de que outros Blogs da categoria, com extrema competência,  aprofundam a questão técnico-científica; abrimos portanto uma exceção, pela relevância do tema, lembrando que outros procedimentos já considerados obsoletos, podem ser objeto de pesquisa nas universidades, para, quem sabe, possamos voltar a ter processos terapêuticos simples, mais baratos e eficazes.

Para complementar a postagem selecionei um vídeo da Fisioterapeuta Fátima Borges Silva, disponível na WEB, sobre a utilização da Parafina como processo terapêutico. 





Postagem atualizada em 07/06/2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário